Clientes inadimplentes: 4 dicas para evitar. Blog da MG
clientes inadimplentes

De acordo com um estudo do Serasa, divulgado no último mês de maio, o número de clientes inadimplentes continua crescendo e batendo novos recordes no Brasil. Todas as dívidas atrasadas somam R$271,7 bilhões, valor que é dividido entre 61,2 milhões de brasileiros.

Infelizmente, a inadimplência ainda é um dos principais problemas enfrentados pela gestão das empresas, gerando a necessidade de encontrar ferramentas eficientes para combatê-la. Os resultados de um negócio não dependem apenas das vendas realizadas, mas, também, do recebimento dos valores que são devidos.

Nesse sentido, para garantir a rentabilidade é essencial investir em um controle da inadimplência. Assim, para você que tem dúvidas sobre como lidar com a situação, listamos algumas dicas que ajudam no controle dos maus pagadores. Confira!

1. Mantenha o cadastro de clientes atualizado

A primeira medida é garantir que o cadastro dos seus clientes esteja sempre atualizado. Documentos de identificação, endereço, telefones, dados da empresa em que trabalha e contatos de outras pessoas que o conheçam são algumas das informações básicas que precisam constar no cadastro.

Afinal, em algum momento, a empresa pode enfrentar a inadimplência. Por isso, o cadastro precisa ser completo e, se possível, as informações devem ser conferidas a cada compra, para saber se todos os dados estão atualizados.

2. Ofereça diferentes opções de pagamento

Em algumas situações, a inadimplência existe pela falta de opções para os pagamentos. Facilitar o pagamento é uma estratégia da empresa para ganhar clientes, além de ser uma segurança a mais para garantir que os pagamentos serão recebidos.

Atualmente, os métodos de pagamento mais usados são os cartões de crédito e débito, boletos e carnês, de modo que o dinheiro em espécie vem caindo na lista de preferência dos consumidores.

Quando se recebe por meio de cartões de crédito e débito, a empresa tem a garantia do pagamento. No entanto, é preciso atenção especial quando se oferece alternativas como carnês e crediário próprio.

3. Desenvolva uma política de crédito

Uma empresa que oferece a possibilidade de crédito aos clientes, necessariamente, precisa contar com uma política que defina os parâmetros para isso. Essa estratégia precisa contemplar os seguintes pontos:

  • planejamento;
  • vendas;
  • crediário/cobrança;
  • gestão.

É no planejamento que serão definidos os objetivos a serem alcançados com as vendas de produtos e serviços, além da gestão da carteira de clientes. Já o setor de crediário e cobrança será o responsável por avaliar a capacidade de pagamento de cada cliente e também os limites de crédito concedidos. E, caso seja necessário, atuará também na cobrança das contas em atraso.

4. Invista em uma gestão eficiente

Para que todos os passos acima funcionem, é preciso investir em uma gestão eficiente. Levando isso em consideração, vale a pena procurar ajuda profissional como consultorias especializadas e também investir em softwares e tecnologias que facilitem o dia a dia.

Os softwares de gestão permitem um acompanhamento eficaz do fluxo de caixa e, assim, a empresa consegue otimizar seu planejamento, fazer o acompanhamento dos resultados e mapear as ações que precisam ser melhoradas.

Combater a inadimplência não é tarefa fácil, mas com planejamento e gestão, ela poderá ser minimizada ao ponto de não atrapalhar as estratégias de crescimento da sua empresa.

Se você gostou deste conteúdo sobre clientes inadimplentes, aproveite para ler também o post que explica como planejar o capital de giro!

BPO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This