Auditoria contábil: Saiba como otimizar sua gestão e resultados!
auditoria contábil

Como anda a gestão financeira da sua empresa? Os registros de entrada e de saída representam a realidade das suas finanças? Se você não sabe responder a essas perguntas, pode estar precisando de uma auditoria contábil.

Aliás, engana-se quem pensa que apenas os grandes negócios precisam passar por auditorias. Pelo contrário, até mesmo as empresas de pequeno porte podem e devem contar com o recurso para saber exatamente a situação de suas contas. No caso da auditoria contábil, ela nada mais é do que a análise dos registros contábeis, para que se tenha a real dimensão patrimonial do negócio.

Inclusive, a procura por esse tipo de serviço tem crescido bastante nos últimos anos, auxiliando gestores a alcançarem melhores resultados. Foi pensando nisso tudo que escrevemos este post com tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Acompanhe!

O que é auditoria contábil?

Muitas vezes, uma empresa não apresenta bons resultados porque o gestor não tem uma visão completa das atividades realizadas e do momento em que ela vive. É aí que entra uma auditoria contábil — processo que verifica a precisão de todos os controles financeiros.

Ela é muito importante, já que analisa toda a situação financeira da companhia, identificando erros, fraudes e qualquer irregularidade. Para isso, todos os documentos contábeis são conferidos, como o fluxo de caixa, livros contábeis, registros, balanço patrimonial e a Demonstração de Resultado de Exercício (DRE).

O auditor também analisa informações de fontes internas e externas com o intuito de se concluir com exatidão o que representa o patrimônio da empresa em questão. Depois da apuração, o gestor recebe um relatório completo e bem detalhado sobre a situação da empresa.

O profissional de auditoria também está apto a apresentar soluções para os problemas identificados, além do que pode ser feito para melhorar a gestão contábil e financeira. Ou seja, é um recurso que permite identificar possíveis falhas nos processos do negócio, mas também traz soluções para que ele administre suas finanças de maneira mais segura e transparente.

Como é feito esse serviço?

A auditoria contábil pode ser feita em empresas de qualquer porte por profissionais formados em Ciências Contábeis e registrados no Conselho Regional de Contabilidade (CRC). O empresário pode e deve acompanhar todo o processo, inclusive, com o suporte de algum colaborador da área contábil.

Todo o processo segue normas rígidas determinadas por lei. Por isso, o auditor segue passos pré-estabelecidos que oferecem um entendimento mais claro sobre a situação da empresa. São eles:

  • pesquisa de campo: na qual se conhece toda a operação, com a consulta de documentos e a coleta de informações;
  • planejamento: o auditor escolhe a melhor estratégia de acordo com os dados coletados;
  • controladoria: são testados e avaliados diferentes tipos de controles para conhecer melhor todo o sistema contábil;
  • teste de observância: verifica se os controles estão sendo adotados corretamente e conforme as novas regras estabelecidas;
  • teste substantivo: novos procedimentos são adotados para checar as novas informações dos demonstrativos contábeis;
  • parecer: a partir de todos os testes, o auditor faz um relatório da situação e apresenta novas sugestões.

De forma geral, no Brasil, os auditores seguem normas e procedimentos específicos para a realização do trabalho, ou seja, existem diretrizes muito bem definidas que precisam ser cumpridas. Independentemente do segmento do negócio e porte da empresa, é preciso seguir determinados passos para se obter os resultados.

Quando fazer a auditoria contábil?

Em uma gestão ideal, o responsável pela administração precisa ter um controle total sobre as finanças da empresa o tempo todo. Isso significa que os dados, planilhas e demais ferramentas de controle precisam ser constantemente atualizadas, de modo que sempre que for necessário o gestor tenha à sua disposição informações reais.

Nesse sentido, não existe uma época mais indicada para se contratar o serviço de auditoria para uma empresa. O gestor é quem precisa estar muito atento e sempre que achar necessário recorrer a esse recurso para atestar a veracidade das informações registradas.

É comum que as empresas recorram à auditoria apenas quando há suspeita de erros, ainda mais porque esse tipo de serviço tem um alto custo. No entanto, é recomendável que de tempos em tempos seja feita uma auditoria externa, justamente para evitar pequenos problemas que podem resultar em grandes prejuízos quando não corrigidos logo no início.

Quais são as vantagens?

Quando uma auditoria fiscal é feita, além de trazer benefícios para as empresas auditadas, ela também auxilia possíveis investidores na tomada de decisões e, até mesmo, a sociedade como um todo sai ganhando, tendo em vista que podem ser identificados o cumprimento ou não das leis fiscais, por exemplo.

No entanto, podemos listar como os principais benefícios desse tipo de auditoria os seguintes:

  • identifica o nível de eficiência dos processos e registros internos;
  • dificulta o surgimento de problemas como desvios e gastos indevidos;
  • mostra falhas financeiras que comprometem o desenvolvimento da empresa;
  • atesta as informações registradas, o que ajuda a atrair mais investidores;
  • traz maior credibilidade para a empresa auditada.

Quais são os resultados?

Por meio de uma auditoria, o gestor pode identificar problemas como erros e fraudes que comprometem o funcionamento da empresa. A partir das sugestões do auditor, é possível realizar mudanças que aumentem a eficiência e a segurança nos negócios.

Isso é importante não só para a melhoria dos resultados, mas também para que a empresa esteja em conformidade com a lei. Vale lembrar que as irregularidades podem gerar punições graves, financeiras e até criminais.

Os resultados obtidos pelo auditor dizem respeito às práticas administrativas, controle patrimonial, obrigações fiscais e gestão financeira e econômica. Ou seja, assuntos muito sensíveis que qualquer empresa precisa estar sempre muito atenta.

Como melhorar a partir da auditoria?

Os resultados obtidos a partir da auditoria podem ser usados tanto para corrigir possíveis problemas encontrados, de acordo com sua gravidade, como também para manter as boas práticas.

Quando são identificados processos eficientes, o gestor deverá manter a rotina e, sempre que possível, aperfeiçoá-la. Já quando o auditor conclui que há erros e fraudes, por exemplo, ele mesmo vai sugerir possíveis formas de correções ao gestor — que é livre para aceitar ou não as propostas, além de também poder propor suas próprias soluções.

Após todas essas informações, podemos concluir que a auditoria contábil é um instrumento importante de apoio ao gestor, tanto para a segurança e a transparência do negócio quanto para a tomada de decisões mais assertivas.

Se você gostou deste post sobre auditoria contábil, aproveite para ler também o conteúdo que escrevemos sobre as diferenças entre auditoria financeira e contábil! Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This