Auditoria contábil: O que você precisa saber a respeito. Blog da MG
auditoria contábil

Como anda a gestão financeira da sua empresa? Os registros de entrada e saída representam a realidade das suas finanças? Se você não sabe responder essas perguntas, pode estar precisando de uma auditoria contábil.

A procura por esse tipo de serviço tem crescido bastante nos últimos anos, apresentando bons resultados. Por isso, no post de hoje, explicaremos o que é e como é feita uma auditoria. Continue a leitura para saber mais!

O que é auditoria contábil?

Muitas vezes, uma empresa não apresenta bons resultados porque o gestor não tem uma visão completa das atividades realizadas e do momento em que ela vive. É aí que entra uma auditoria contábil, processo que verifica a precisão de todos os controles financeiros.

Ela é muito importante, pois analisa toda a situação financeira da companhia, identificando erros, fraudes e qualquer irregularidade. Para isso, todos os documentos contábeis são conferidos, como o fluxo de caixa, o balanço patrimonial e a Demonstração de Resultado de Exercício (DRE).

Depois da apuração, o gestor recebe um relatório completo e bem detalhado sobre a situação da empresa. Os auditores também apresentam soluções para os problemas e o que pode ser feito para melhorar a gestão contábil e financeira, de maneira mais segura e transparente.

Como é feito esse serviço?

A auditoria contábil pode ser feita em empresas de qualquer porte, por profissionais formados em Ciências Contábeis e registrados no Conselho Regional de Contabilidade (CRC). O empresário pode e deve acompanhar todo o processo, inclusive, com o suporte de algum colaborador da área contábil.

Todo o processo segue normas rígidas determinadas em lei. Para isso, o auditor segue passos pré-estabelecidos, que oferecem um entendimento mais claro sobre a situação da empresa. São eles:

  • pesquisa de campo: na qual se conhece toda a operação, com a consulta de documentos e a coleta de informações;
  • planejamento: o auditor escolhe a melhor estratégia de acordo com os dados coletados;
  • controladoria: são testados e avaliados diferentes tipos de controles para conhecer melhor todo o sistema contábil;
  • teste de observância: verifica se os controles estão sendo adotados corretamente e conforme as novas regras estabelecidas;
  • teste substantivo: novos procedimentos são adotados para checar as novas informações dos demonstrativos contábeis;
  • parecer: a partir de todos os testes, o auditor faz um relatório da situação e apresenta novas sugestões.

Quais são os resultados?

Por meio de uma auditoria, o gestor pode identificar problemas como erros e fraudes que comprometem o funcionamento da empresa. A partir das sugestões do auditor, é possível realizar mudanças que aumentem a eficiência e a segurança nos negócios.

Isso é importante não só para a melhoria dos resultados, mas também também para que a empresa esteja em conformidade com a lei. Vale lembrar que as irregularidades podem gerar punições graves, financeiras e até criminais.

Ou seja, a auditoria contábil é um instrumento importante de apoio ao gestor, tanto para a segurança e a transparência do negócio quanto para uma tomada de decisões mais assertiva.

Gostou deste post? Saiba mais detalhes sobre a auditoria contábil e outros assuntos relacionados à gestão financeira e à administração da sua empresa. Assine nossa newsletter e receba outras dicas que podem fazer a diferença na rotina do seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This